musica

24 de abr de 2011

sonho realizado..........


Trepadeiras & Pergolados


Um dos meus sonhos é construir um pergolado ,mas díficil mesmo é escolher qual trepadeira





Jade vermelha -

Uma das mais raras trepadeiras de clima tropical. Seu crescimento é bastante vigoroso precisando de grandes espaços para se desenvolver.





Suas flores são grandes agrupadas em cachos volumosos de coloração vermelha intensa e de efeito decorativo impressionante.

Solo - Fertíl e profundo

Clima - tropical Temperatura abaixo de 10º pode causar a perda da planta

Luz - Plena Luz





Sapatinho de Judia - Thunbergia mysorensis.





Toda beleza do oriente nesta trepadeira originária da Índia, produz grande quantidade de flores coloridas em cachos valorizadas pelo contraste da abundante folhagem verde.




Trepadeira de crescimento vigoroso nativa da Índia.

Produz grande quantidade de inflorescências pendentes com numerosas flores amarelas e brácteas de coloração marron avermelhado.

As flores além de serem muito decorativas também são atrativas a beija-flores

É uma das trepadeiras que se adaptam melhor ao clima litorâneo podendo também ser cultivada em vasos grandes pois floresce com grande facilidade.



Glicínia alba- Wiateria alba


A glicínia é uma trepadeira volúvel, lenhosa e decídua, de florescimento muito decorativo. Suas folhas são pinadas, alternas e compostas por 9 a 19 folíolos, de coloração avermelhada e pubescentes quando novas, tornando-se glabras e verde-brilhantes com o tempo. As inflorescências são longas, pendulares e carregadas de numerosas flores azuis, róseas, brancas ou roxas.

Seu crescimento é lento a moderado e pode levar anos para que se torne adulta e inicie o florescimento, porém é muito longeva, vivendo até 100 anos.

Por ser vigorosa não é indicada para estruturas de apoio frágeis.
Devem ser cultivadas sob pleno sol, em solo fértil, rico em matéria orgânica e com regas regulares.

Necessita tutoramento, adubação e podas anuais. Aprecia o frio, sendo indicada para locais de clima subtropical ou mediterrâneo. Em regiões quentes pode ser cultivada sem problemas, mas não terá o mesmo desempenho.





Jade azul - Strongylodon macrobotrys

A trepadeira-jade é uma trepadeira vigorosa, perene, de ramos lenhosos, que pode alcançar muitos metros de altura, dependendo do suporte em que se encontra.
Floresce na primavera e verão, com a formação de longas inflorescências axilares.
As flores apresentam o formato de garras (unhas) invertidas, com um brilho perolado espetacular e uma coloração entre o verde e o azul, sendo comparada com as pedras preciosas jade, água-marinha e esmeralda.

A trepadeira-jade é uma planta excelente para cobrir estruturas fortes como pérgolas e caramanchões, devido ao crescimento vigoroso e à natureza das inflorescências que se destacam pendentes. Em outros tipos de suportes, como cercas e treliças não é possível apreciar por debaixo da planta, os cachos de flores. Fornece sombra agradável o ano todo e atrai beija-flores. As podas podem ser realizadas para contenção do crescimento e renovação da folhagem. Uma curiosidade: Nas Filipinas o polinizador natural da trepadeira-jade são os morcegos.
Deve ser cultivada sob sol pleno ou meia-sombra em solo fértil e enriquecido com matéria orgânica, irrigado a intervalos regulares. Adubações anuais na primavera ou verão estimulam florações mais abundantes. Aprecia a umidade e o calor. Não é tolerante ao frio intenso, devendo ser cultivada em regiões de clima mais quente. Multiplica-se por sementes, estaquia, alporquia e mergulhia
.
(imagens retiradas da internet)




Um comentário:

  1. INCRIVELMENTE LINDAS!!!!! ADOREI E GOSTAREI DE TE-LAS, O QUE EU FAÇO PARA ISSO? ABRAÇO.

    ResponderExcluir

volte sempre

passaros

center>